domingo, 21 de fevereiro de 2010

Everything´s going pseudo ou...





...o "descaramento da ingenuidade"


" Não há nada mais fácil para uma pessoal "vulgar" limitada do que, por exemplo, imaginar-se a si mesma como extraordinária e original e com isso se deleitar sem vacilações. Bastaria a algumas das nossas meninas cortar o cabelo, pôr uns óculos azuis e denominar-se de niilistas para se convencerem imediatamente que, ao porem os óculos, começaram logo a ter as suas próprias "convicções". Bastaria a um certo indivíduo descobrir no seu coração uma migalha de qualquer sensação bondosa e humana para convencer-se de imediato de que ninguém sente como ele e que está na vanguarda do desenvolvimento geral. Bastaria a um certo indivíduo aceitar incondicionalmente qualquer ideia ou ler uma página de qualquer coisa sem pés nem cabeça para acreditar de imediato que aquilo eram "as suas próprias ideias" concebidas no seu próprio cérebro. "

"O Idiota", Fiódor Dostoiévski